Última hora
This content is not available in your region

PSA apresenta plano estratégico ofensivo

Access to the comments Comentários
De  Patricia Cardoso com REUTERS, AFP
PSA apresenta plano estratégico ofensivo
Tamanho do texto Aa Aa

A PSA Peugeot Citröen revelou o plano estratégico para os próximos cinco anos, que qualifica de “ofensiva de produto e tecnologia”. O plano é chamado “Push to pass”, isto é “acelerar para ultrapassar”.

Dois anos depois de ter evitado a falência, o construtor automóvel francês visa um crescimento do volume de negócios na ordem dos 10% até 2018 e de 15% até 2021.

O presidente do grupo, o português Carlos Tavares, revela que pretendem lançar um novo veículo cada ano em cada uma das três marcas, incluindo 11 modelos elétricos ou híbridos.

Após três anos de prejuízos, a PSA voltou aos lucros no ano passado. Os lucros líquidos atingiram 1,2 mil milhões de euros. A direção de Tavares conseguiu também os custos de produção.

O grupo está a negociar a implantação na Argélia, procura um parceiro na Ásia e pensa regressar, de forma gradual, ao mercado dos Estados Unidos.

No dia da apresentação do plano estratégico, o jornal Le Figaro publica uma entrevista com Carlos Tavares (em francês).