A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Dilma desiste de discurso televisivo contra impugnação

Dilma desiste de discurso televisivo contra impugnação
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Dilma Rousseff desistiu do discurso que pretendia emitir na sexta-feira à noite, na rede nacional de rádio e televisão, sobre a votação no domingo da proposta de impugnação do seu mandato.

Aconselhada pelos seus advogados, com receio de eventuais consequências judiciais, a presidente do Brasil cancelou a emissão do discurso que tinha já gravado.

São necessários 342 votos para aprovar a proposta de impedimento do mandato de Dilma. 343 dos 513 deputados federais declararam já estar a favor da impugnação – mais que os dois terços necessários.

Entretanto, num vídeo divulgado esta sexta-feira nas redes sociais, Lula da Silva reitera que a impugnação de Dilma Rousseff é um golpe de Estado. Reconhecendo que o governo tem falhas que devem ser corrigidas, o antigo presidente promete que, vencida a batalha contra a impugnação no domingo, vai garantir com Dilma uma nova fórmula governativa.