Quénia: câmara recusou licença de habitação a edifício que desabou

Quénia: câmara recusou licença de habitação a edifício que desabou
De  Euronews com EFE, REUTERS, CCTV
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

No Quénia, a derrocada de um edifício na capital, Nairobi, está a causar controvérsia. O edifício construído há dois anos não obteve a necessária

PUBLICIDADE

No Quénia, a derrocada de um edifício na capital, Nairobi, está a causar controvérsia.

O edifício construído há dois anos não obteve a necessária licença de habitação, fator que contudo foi insuficiente para impedir a sua ocupação.

O prédio de seis andares desabou na noite de sexta-feira para sábado após chuvas torrenciais, as piores desde o início da estação das chuvas.

Pelo menos 16 pessoas teriam perdido a vida.

Segundo a Cruz Vermelha queniana dezenas ainda estariam desaparecidas.

“Em primeiro lugar, não deviam ter construído aqui, não é suposto estes edifícios estarem tão próximos do rio. Isto é o resultado da corrupção neste país, é o que faz aos nossos colegas e amigos”, adiantou um residente local que optou por não se identificar.

O presidente Uhuru Kenyatta visitou o local do incidente no sábado e ordenou a detenção do proprietário do edifício.

Fontes governamentais confirmaram que as autoridades locais haviam rejeitado o pedido de construção do imóvel.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Helicóptero resgata camionista encurralado em inundação

Um pescador morreu e outros 24 foram resgatos no mar do Japão

Pelo menos 19 feridos em atropelamento na Polónia