Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Ucrânia vence Eurovisão com canção de teor político... e Rússia reage mal

Ucrânia vence Eurovisão com canção de teor político... e Rússia reage mal
Tamanho do texto Aa Aa

A Ucrânia venceu o Festival da Eurovisão com a canção 1944, que fala sobre a deportação de 200 mil tártaros da Crimeia para a Sibéria, sob as ordens de Estaline. Uma das pessoas deportadas foi a bisavó da ucraniana Jamala, a cantora que sábado à noite conquistou a vitória.

“É uma grande honra para mim, e ao mesmo tempo, uma grande responsabilidade. Eu tinha a certeza que se cantasse, se contasse a verdade, isso iria tocar as pessoas”, disse Jamala.

https://youtu.be/P11j3HQumzY

No conjunto das votações do júri e do televoto, a canção ucraniana ficou à frente com 534 pontos, seguida pela australiana de Dami Im, que havia vencido a votação do júri. A canção russa de Sergey Lazarev ficou em terceiro lugar com 491 pontos, apesar de ter vencido o televoto.

“Fizemos imenso para representar bem o nosso país. Acho que o conseguimos. Pelo menos, os telespetadores de toda a Europa deram-nos o primeiro lugar e isto é o mais importante”, sublinhou Sergey Lazarev.

A Rússia reagiu mal à vitória ucraniana e há já senadores a apelar ao boicote no próximo ano.