Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Kerry e Lavrov tentam de novo parar hostilidades na Síria

Kerry e Lavrov tentam de novo parar hostilidades na Síria
Tamanho do texto Aa Aa

O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, e o chefe da diplomacia russa, Sergei Lavrov, estão em Genebra para tentar, mais uma vez, encontrar um acordo para o fim das hostilidades na Síria.

Um primeiro passo poderá ser uma trégua temporária em Alepo, palco de intensos bombardeamentos, para permitir a entrada de assistência humanitária para a população civil da segunda cidade do país, bloqueada pelos combates entre o regime de Bashar al-Assad e os rebeldes.

O enviado especial das Nações Unidas para a Síria, Staffan de Mistura, diz que a ONU pretende “uma pausa de 48 horas; a Rússia já disse ‘Sim’ e agora espera-se que os outros façam o mesmo. Mas já há camiões [de assistência] preparados para arrancar, assim que receberem essa mensagem”.

Entretanto, a Turquia bombardeou, no norte da Síria, milícias curdas, que contam com o apoio dos Estados Unidos na luta contra os extremistas do Estado Islâmico, mas que Ancara acusa de não respeitarem o acordo com Washington para retirar das áreas a oeste do rio Eufrates.