Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Líderes dos países do sul da União Europeia pedem unidade e coesão para enfrentar desafios

Líderes dos países do sul da União Europeia pedem unidade e coesão para enfrentar desafios
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os líderes de Portugal, Grécia, França, Itália, Espanha, Malta e Chipre reuniram-se, esta sexta-feira, em Atenas e pediram unidade e coesão na Europa para lidar com os desafios que o continente enfrenta.

Em cima da mesa estiveram questões como a segurança interna e das fronteiras exteriores, a migração, a coesão social, o crescimento e o investimento na Europa.

“O nosso objetivo é este: Uma Europa melhor, nem mais nem menos, para que volte a inspirar os cidadãos europeus”, afirmou o anfitrião do encontro, o primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras.

“Encontramo-nos numa fase em que a Europa não pode limitar-se a tecnicismos, regras, finanças, administração ou austeridade. A Europa de amanhã deve basear-se, sobretudo, nos valores fundadores porque foi isso que nos fez grandes. A Europa social, a Europa dos ideais, a Europa da beleza”, frisou o primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi.

O presidente francês, François Hollande, salientou que é importante transmitir uma mensagem de unidade numa altura em que “os nacionalismos e os populismos esperam que, após o ‘Brexit’, a Europa se desmembre”.

A saída do Reino Unido da União Europeia será também o tema central da cimeira europeia em Bratislava, a 16 de setembro.

Euronews: “Com esta cimeira de países do sul da União Europeia, Alexis Tsipras procurou obter o apoio dos líderes para criar uma frente antiausteridade que desafie a retórica de Berlim de apertar o cinto. Este encontro serviu também para o primeiro-ministro grego tentar salvar a popularidade do seu governo que tem vindo a afundar-se.”

O próximo encontro dos líderes dos países do sul da União Europeia realiza-se em Portugal.