Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Alepo: Bombas primeiro, comida depois

Alepo: Bombas primeiro, comida depois
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Primeiro, as bombas. Depois, a ajuda humanitária. Os habitantes do bairro de al-Ashrafieh, em Alepo, na Síria, fizeram fila junto aos veículos militares russos para a distribuição de alimentos.

Esta ajuda está a ser distribuída aos civis que escaparam dos bairros orientais da cidade, os mesmos que estão a ser bombardeados: “Estamos a distribuir vários tipos de comida enlatada, farinha e outros alimentos básicos às pessoas necessitadas. Estamos a distribuir esta ajuda às pessoas vindas dos bairros orientais de Alepo através dos corredores humanitários e às famílias afetadas pelos ataques terroristas”, diz o coronel Dany Ritchkov, do Centro Russo para a Reconciliação (filial humanitária do exército russo).

Se esta ajuda está a chegar apenas aos que fugiram dos bairros bombardeados, as Nações Unidas estão a tentar chegar a esses mesmos bairros e a procurar uma rota alternativa para a entrega da ajuda humanitária, já que a estrada principal continua bloqueada.