A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Polícia investiga motivos que levaram um advogado a abrir fogo sobre os transeuntes em Houston

Polícia investiga motivos que levaram um advogado a abrir fogo sobre os transeuntes em Houston
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A polícia de Houston, no Texas, está a investigar os motivos que levaram um advogado a abrir fogo sobre os transeuntes, junto a um centro comercial, ferindo nove pessoas antes de ser abatido.

Em conferência de imprensa, as autoridades não quiseram identificar o suspeito do tiroteio, mas adiantaram que o sujeito “envergava um uniforme militar” e que tinha consigo e em casa “alguns emblemas nazis”, mas também outros acessórios militares que “remontam ao tempo da guerra civil”, nos Estados Unidos.

A polícia encontrou também 2600 munições e uma espingarda no carro do advogado e a imprensa norte-americana afirma que o suspeito atravessava dificuldades financeiras e tinha problemas no escritório onde trabalhava.

Dos nove feridos, um está em estado crítico e outro em estado grave, mas nenhum corre perigo de vida, segundo as autoridades.