Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Polícia investiga motivos que levaram um advogado a abrir fogo sobre os transeuntes em Houston

Polícia investiga motivos que levaram um advogado a abrir fogo sobre os transeuntes em Houston
Tamanho do texto Aa Aa

A polícia de Houston, no Texas, está a investigar os motivos que levaram um advogado a abrir fogo sobre os transeuntes, junto a um centro comercial, ferindo nove pessoas antes de ser abatido.

Em conferência de imprensa, as autoridades não quiseram identificar o suspeito do tiroteio, mas adiantaram que o sujeito “envergava um uniforme militar” e que tinha consigo e em casa “alguns emblemas nazis”, mas também outros acessórios militares que “remontam ao tempo da guerra civil”, nos Estados Unidos.

A polícia encontrou também 2600 munições e uma espingarda no carro do advogado e a imprensa norte-americana afirma que o suspeito atravessava dificuldades financeiras e tinha problemas no escritório onde trabalhava.

Dos nove feridos, um está em estado crítico e outro em estado grave, mas nenhum corre perigo de vida, segundo as autoridades.