EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Golpe de Estado falhado: Justiça turca recebe 70 mil recursos

Golpe de Estado falhado: Justiça turca recebe 70 mil recursos
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A purga na Turquia segue em frente.

PUBLICIDADE

A purga na Turquia segue em frente. No mesmo dia em que as autoridades detiveram mais 120 membros da polícia e emitiram mandados de detenção contra outros 46, o primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou que 70 mil pessoas apresentaram recurso nos casos onde estão alegadamente envolvidos.

Os processos dizem respeito ao golpe de Estado falhado de julho e eventuais ligações a Fethullah Gulen, clérigo turco a viver nos Estados Unidos, outrora aliado do Presidente Erdogan, agora acusado de conspiração.

Cerca de 23 mil pessoas aguardam julgamento, detidas, enquanto outras 100 mil, membros das forças de segurança e funcionários públicos, foram despedidos ou suspensos.

Países europeus e da Nato expressaram preocupações pelo facto de poderem existir inocentes nas operações.

A organização Concelho da Europa, sedeada em Estrasburgo, apelou a Ancara a levantar o estado de emergência que foi estendido por mais dois meses esta semana. O regime permite ao Presidente Erdogan governar por decreto.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Líderes dos rivais regionais Grécia e Turquia reúnem-se para estreitar relações

Vitória da oposição é sinal de "ingratidão", dizem apoiantes de Erdoğan na Turquia

Urnas já abriram na Turquia para as autárquicas, partido de Erdogan quer recuperar Istambul