Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Haiti: Ban Ki-moon desiludido com comunidade internacional

Haiti: Ban Ki-moon desiludido com comunidade internacional
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O secretário-geral da ONU mostrou-se “desiludido com a resposta da comunidade internacional” à tragédia no Haiti.

Em visita a Port-au-Prince, a capital haitiana, Ban Ki-moon, mostrou-se perturbado com a “absoluta devastação” causada pelo furacão Matthew e afirmou estar a criar um fundo de ajuda às vítimas:

“Vamos mobilizar todos os recursos e apoio médico possível para, em primeiro lugar, prevenir e parar esta epidemia de cólera, em segundo, apoiar as famílias”, afirmou Ban Ki-moon.

A passagem do furacão pelo país matou, pelo menos 546 pessoas e fez mais de 175 mil desalojados. Mas, neste momento, há 1,4 milhões de pessoas a precisar de assistência urgente.

Uma tragédia que acontece quando o país não tinha ainda recuperado, totalmente, do devastador sismo de 2010 que matou mais de 200 mil pessoas.

Na altura a ajuda internacional que chegou ao país não foi bem gerida e acabou por não chegar, como devia, às vítimas da catástrofe.

As Nações Unidas pediram à comunidade internacional 120 milhões de dólares para ajudar o país que enfrenta a pior crise humanitária dos últimos 6 anos. Até agora foram angariados cerca de 12% dos fundos necessários.