Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Templo de Jesus aberto pela primeira vez em séculos

Templo de Jesus aberto pela primeira vez em séculos
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um grupo de arqueólogos e peritos em restauro conseguiram retirar uma placa de mármore pela primeira vez em vários séculos num esforço para alcançar o que se acredita ser a superfície de pedra onde o corpo de Jesus teria sido colocado.

Muitos historiadores acreditam que a gruta original identificada séculos após a morte de Jesus como sendo o túmulo de Jesus teria desaparecido.

Os trabalhos decorrem na Basílica do Santo Sepulcro em Jerusalém. Os trabalhos fazem parte de um projeto de renovação para reforçar a Edícula, a câmara construída em torno da gruta onde a tradição determina que Jesus teria sido sepultado e de onde teria ressuscitado.

O projeto teve que ser autorizado teve que ser aprovado pelas seis denominações religiosas que gerem o local: a Igreja Ortodoxa Grega, a Igreja Católica Romana, a Igreja Ortodoxa Arménia, os Ortodoxos etíopes e duas comunidades coptas – uma egípcia e outra síria.

As investigações terão que ser concluídas até março de 2017.