EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Áustria: Polícia cria unidade especial para encontrar agressores sexuais da noite de ano novo

Áustria: Polícia cria unidade especial para encontrar agressores sexuais da noite de ano novo
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A polícia austríaca criou uma unidade especial para encontrar os responsáveis pelas agressões sexuais que tiveram lugar durante a Passagem do Ano, em Innsbruck.

PUBLICIDADE

A polícia austríaca criou uma unidade especial para encontrar os responsáveis pelas agressões sexuais que tiveram lugar durante a Passagem do Ano, em Innsbruck.
Os ataques contra 18 mulheres aconteceram na praça principal, apesar da intensa presença policial.

Os 6 agressores são descritos fisicamente como sendo não-europeus. A unidade também está a analisar imagens de vídeo, inclusive imagens capturadas pelos presentes na multidão.

Os eventos fazem lembrar os acontecimentos de Colónia, há um ano, quando mais de 100 mulheres foram agredidas no ano novo. Os ataques provocaram protestos contra a violência sexual na Alemanha e os cidadãos pediram controlos mais rígidos relativamente à imigração.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Chanceler austríaco saúda Sunak pelo plano de deportação para o Ruanda

Josef Fritzl, que prendeu e violou a filha durante 24 anos, pode ser transferido para prisão normal

Rebenta na Áustria o maior escândalo de espionagem das últimas décadas