EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Guardas prisionais insurgem-se contra condições de trabalho na maior prisão da Europa

Guardas prisionais insurgem-se contra condições de trabalho na maior prisão da Europa
Direitos de autor 
De  Euronews com AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Mais de 350 guardas penitenciários bloquearam na noite de segunda-feira durante várias horas a penitenciária de Fleury-Mérogis situada a 26 quilómetros a sul de…

PUBLICIDADE

Mais de 350 guardas penitenciários bloquearam na noite de segunda-feira durante várias horas a penitenciária de Fleury-Mérogis situada a 26 quilómetros a sul de Paris.

Trata-se da maior prisão da Europa que abriga atualmente mais 4 mil e 200 detidos.

Os guardas afirmam que a prisão está sobrelotada a 180% da sua capacidade e que, segundo os sindicatos, existem cerca de 150 postos de trabalho que estão por preencher.

A polícia de intervenção acabaria por colocar um ponto final no protesto ao início da noite. O acesso ao estabelecimento prisional foi restabelecido por volta das 23H00.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Macron desloca-se à Nova Caledónia para tentar pôr termo à violência no arquipélago

Polícia francesa mata homem que tentava incendiar sinagoga em Rouen

Caça ao homem em França depois de emboscada a carrinha celular que matou dois guardas prisionais