EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Proteção Civil de diferentes países treina em conjunto na Suécia

Proteção Civil de diferentes países treina em conjunto na Suécia
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Há maquilhagem suficiente para fazer parte de uma grande produção cinematográfica.

PUBLICIDADE

Há maquilhagem suficiente para fazer parte de uma grande produção cinematográfica. Mas aqui, em Revingeby, no sul da Suécia, o objetivo é reproduzir com o maior realismo possível o cenário de uma catástrofe natural.

Trata-se de uma simulação organizada por elementos da Proteção Civil de 5 países da União Europeia. Os exercícios duraram 4 dias e reuniram mais de 150 pessoas, incluindo especialistas em operações de resgate, médicos, enfermeiros, peritos em coordenação de missões e observadores de outros 12 países.

As equipas tiveram de fazer face a uma suposta crise humanitária, aprofundando o trabalho de colaboração entre as diferentes nacionalidades. No dia a dia, cada país e organismo têm os seus próprios procedimentos de atuação. Os drones tornaram-se num elemento comum de intervenção no contexto de uma situação de emergência.

Orientados a partir de um centro de controlo, os participantes tiveram de suplantar desafios de natureza muito diversa: pacientes agressivos, escassez de material, condições ambientais extremas, são apenas alguns dos exemplos.

Dois laboratórios móveis, que já estiveram em atividade em África, foram instalados no terreno para identificar eventuais surtos de cólera e ébola.

Tudo isto faz parte da estratégia da UE para aprofundar a capacidade de resposta perante emergências. No ano passado foi criado o Corpo Médico Europeu no âmbito do Mecanismo Europeu de Proteção Civil.

Com a colaboração de Wolfgang Karg para a euronews.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

O futuro da Europa: dos combustíveis fósseis à dependência dos metais?

ABBA World, uma nova exposição em Malmö

Suécia passa a permitir mudança de género a partir dos 16 anos