Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

"Media" internacionais contra encerramento da Al-Jazeera em Israel

"Media" internacionais contra encerramento da Al-Jazeera em Israel
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Associação da Imprensa Estrangeira em Israel diz estar preocupada com a intenção do Governo de Benjamin Netanyahu, de encerrar as instalações da televisão qatari Al-Jazeera no país.

Em comunicado, a associação afirmou que a Al-Jazeera “é um membro de boa reputação” e que vai “decidir como proceder” depois de estudar a decisão de Israel.

O documento surgiu depois do anúncio do ministro israelita das Comunicações.

“Ultimamente, quase todos os países da nossa região determinaram que a Al-Jazeera apoia o terrorismo, apoia a radicalização religiosa dos Estados do Golfo, incluindo a Arábia Saudita, a Jordânia, o Egito… Países com os quais Israel tem intenção de promover acordos regionais, políticos, económicos e mesmo de defesa”, afirmou Ayoub Kara.


Há vários anos que as autoridades israelitas acusam a Al-Jazeera de “parcialidade” na cobertura do conflito israelo-palestiniano.

Em julho, Netanyahu já tinha mostrado intenções de expulsar a televisão do país.

A Al-Jazeera já condenou a decisão do Governo israelita e informou que vai e vai contestá-la nos tribunais