EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Promessas por cumprir no Reino Unido

Promessas por cumprir no Reino Unido
Direitos de autor 
De  Nara Madeira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cortar, completamente, os laços com a União Europeia pode, afinal, não ser tão simples para o Reino Unido.

PUBLICIDADE

A Primeira-ministra britânica tinha prometido, antes do Brexit, total independência judicial entre Reino Unido e União Europeia, após a saída do país do bloco europeu. Mas cortar, completamente, os laços com a UE pode, afinal, não ser tão simples.

Os casamentos entre cidadãos britânicos e de outros países europeus, ou as querelas judicial entre empresas britânicas e outras de Estados-membros da UE vão trazer desafios aos tribunais britânicos o que fará com que no divórcio, o do Reino Unido com a União Europeia, também tenham de ser feitas concessões. Terá, portanto, de haver uma espécie de Tribunal Europeu de Justiça, para a resolução deste e de outro tipo de contendas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Afinal, Nigel Farage vai concorrer às eleições no Reino Unido

Unionistas terminam bloqueio: parlamento da Irlanda do Norte pode retomar atividade no fim de semana

Batalha legal contra as "prisões" temporárias de requerentes de asilo em Inglaterra