Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Homenagem às vítimas de Pinochet termina em violência

Homenagem às vítimas de Pinochet termina em violência
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O aniversário do Golpe de estado que colocou Augusto Pinochet no poder está longe de passar despercebido no Chile e ano após ano sucedem-se as homenagens a todos os que desapareceram na luta contra o regime militar.

Milhares de heróis anónimos que não foram esquecidos, entre o Golpe de estado de 11 de setembro de 1973 e o início do regime democrático em 1990 mais de três mil pessoas perderam a vida ou desapareceram, mais de 30 mil foram torturadas e 300 mil foram obrigadas a abandonar o país por ousarem enfrentar Pinochet.

Agora os tempos são outros mas a liberdade de expressão nem sempre anda de mãos dadas com a ordem pública. Como já vem sendo habitual, a manifestação terminou em cenas de violência depois de alguns manifestantes terem apedrejado várias estações de metro e as forças policiais. Os incidentes saldaram-se em 25 detidos e seis feridos ligeiros.