Minoria curda na Turquia apoia referendo

Minoria curda na Turquia apoia referendo
Direitos de autor 
De  Nara Madeira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A minoria curda na Turquia acolhe com entusiasmo a realização do referendo de 25 de setembro, para a independência do norte do Iraque.

PUBLICIDADE

A minoria curda na Turquia acolhe com entusiasmo a realização do referendo de 25 de setembro, para a independência do norte do Iraque. Isto apesar das autoridades iraquianas temerem que a vitória do “sim” possa alimentar o separatismo na região sudeste do país, onde militantes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) se insurgem há três décadas:

“No final das contas os dois Estados vão ser vizinhos. As relações entre os dois, no passado, eram boas e podem ser melhoradas. Não se deve olhar para isto de forma negativa. Eles devem respeitar a decisão do povo”, diz Firat Aydin, residente de Diyarbarkir.

“A decisão tem vindo a ser adiada. Espero que corra tudo da melhor forma possível e para o bem dos curdos e talvez possamos ser os próximos”, afirma Bilal Bayram, outro habitante desta cidade.

O referendo já levou o presidente turco, a ameaçar com sanções aumentando a pressão económica, sobre as autoridades locais. Para Ancara uma rutura com o vizinho Iraque ou Síria pode levar a um conflito global.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tudo o que precisa de saber sobre o referendo no Curdistão iraquiano

Responsáveis da discoteca que ardeu em Istambul detidos para interrogatório

Incêndio em discoteca de Istambul faz dezenas de mortos