Barcelona prepara proclamação unilateral da independência da Catalunha

Barcelona prepara proclamação unilateral da independência da Catalunha
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied
PUBLICIDADE

Calado desde o início da crise, o rei Felipe VI de Espanha pronunciou-se esta terça-feira, para acusar o líder independentista da Catalunha de quebrar todos os princípios da democracia e dividir a sociedade catalã.

“Todos temos sido testemunhas dos factos que se têm produzido na Catalunha com a pretensão final da generalitat de que seja proclamada ilegalmente a independência da Catalunha. Pretenderam quebrar a unidade de Espanha, a soberania nacional e o direito de todos os espanhóis de decidirem democráticamente a sua vida em comum. É da responsabilidade dos legítimos poderes do Estado garantir a ordem constitucional, o normal funcionamento das instituições e a vigência do estado de direito e do governo autónomo da Catalunha”, afirmou o monarca.

Mas o presidente do governo catalão já não houve nada do que vem de Madrid. Numa entrevista à BBC, Carles Puidgemont afirmou que a Catalunha “vai proclamar a independência nos próximos dias”, na sequência do resultado do referendo do passado domingo.

Puidgemont garante que o seu governo vai agir no final desta semana ou no princípio da próxima.

Voyons s’il y a une médiation européenne car c’est une langue de sourds et ça devient vraiment dangereux #Catalogne#Catalunya#Cataluña

— Frédéric Fornos sj (@FFornosj) 3 octobre 2017

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Incêndio em prédio de 14 andares em Valência faz pelo menos quatro mortos

Dani Alves considerado culpado de violação de uma mulher numa discoteca em Espanha

Agricultores espanhóis em protesto invadem centro de Madrid com centenas de tratores