Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Ophelia provoca morte e estragos na Irlanda

Ophelia provoca morte e estragos na Irlanda
Tamanho do texto Aa Aa

A tempestade provocada pelo furacão Ophelia causou a morte a três pessoas, na Irlanda. Informação avançada pela polícia. O chefe do governo irlandês já disse esta é “uma crise nacional”. As autoridades alertam para os perigos causados pelos violentos ventos que, na zona oeste do país, atingem os 150km/hora. Escolas e serviços públicos foram encerrados.

O serviço de meteorologia do país emitiu um “alerta vermelho”, afirmando que estão previstos vento “violento e destrutivo” e “chuvas fortes e com vagas violentas que poderão causar inundações”.

De acordo com a Companhia elétrica de Cork, há 210 mil casas e empresas sem eletricidade. As autoridades pedem precaução aos irlandeses mesmo depois da passagem da tempestade:

“Depois da tempestade passar pela vossa região, não se apressem a sair. Haverá linhas elétricas caídas, estruturas inseguras, árvores pelas estradas. Pedimos às pessoas, que tentam movimentar-se depois da tempestade, para serem, extremamente, cautelosas”, adiantou o porta-voz da polícia Conor Murrachu.

Segunda-feira, a pior tempestade em meio século deu um tom amarelado ao céu, na capital do Reino Unido, e surpreendeu os londrinos.