A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Iraque: Curdos congelam referendo sobre a independência

Iraque: Curdos congelam referendo sobre a independência
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Acalmar a tensão e evitar a violência crescente é o objetivo da decisão tomada pelo governo do Curdistão iraquiano.

Num comunicado difundido esta noite, o governo afirma que tanto o Curdistão como o Iraque enfrentam circunstências muito perigosas e para evitar confrontos propõe:

- O cessar-fogo imedidato e o fim de todas as operações militares; – O congelamento dos resultados do referendo e – o início de um diálogo aberto entre os dois governos com base na constituição.

A tensão cresce diariamente desde o referendo realizado no dia 25 de setembro, no qual, segundo a comissão eleitoral, 90% dos três milhões de eleitores disseram sim à independência.