EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Militares fazem cerco a favela

Militares fazem cerco a favela
Direitos de autor 
De  Nara Madeira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Centenas de militares brasileiros patrulharam os principais acessos à Vila Joaniza, enquanto se procurava um traficante.

PUBLICIDADE

Centenas de militares brasileiros, dos vários ramos das Forças Armadas, patrulharam os principais acessos à Vila Joaniza, na favela do Barbante, enquanto a Polícia Federal procurava o traficante Wagner Barreto de Alencar, e elementos do grupo que destruiu, no último sábado, o Posto Comunitário da Polícia Militar, desta vila, em represália pela proibição de uma festa na comunidade. O traficante não foi encontrado.

Também quinta-feira, decorreu a operação "Dark of the City", na área metropolitana do Rio de Janeiro. Que resultou de uma investigação, que durou mais de dois anos, que tinha o objetivo de descobrir relações criminosas entre polícias militares e traficantes.

As suspeitas surgiram após a detenção de um traficante, em 2014. As autoridades, entre elas o Ministério Público do Rio de Janeiro, descobriram que estes polícias recebiam sobornos de forma a facilitar o tráfico e vendiam armas apreendidas, em operações noutras comunidades.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Militares tomam conta da Cidade de Deus

Christiania, em Copenhaga, quer renascer sem haxixe

Reféns em discoteca neerlandesa libertados. Suspeito detido pela polícia