Última hora

Gestor bancário condenado em esquema para contornar sanções ao Irão

Gestor bancário condenado em esquema para contornar sanções ao Irão
Tamanho do texto Aa Aa

Mehmet Hakan Atila, antigo diretor do banco público turco, Halkbank, foi condenado por um tribunal de Nova Iorque por ajudar o Irão a contornar as sanções impostas pelos Estados Unidos.

Atila foi considerado pela Justiça como um dos responsáveis pela venda ilegal de ouro e foi condenado por associação criminosa, mas absolvido do crime de branqueamento de capitais.

A sentença deve ser divulgada em abril. A decisão do tribunal é afeta apenas o antigo diretor bancário.

No entanto, o empresário turco-iraniano, Reza Zarrab encontra-se também ligado ao caso. A Justiça acusa-o de lavagem de dinheiro. 

Reza Zarrab terá usado faturas falsificadas, supostamente relacionadas com a compra e venda de alimentos para fims humanitarios. O empresário aceitou colaborar com os investigadores e passou a testemunha no processo.

Zarrab chegou a implicar o presidente turco, Tayyip Erdogan, na fraude, dizendo que este  autorizou o esquema no sistema bancário turco, na altura em que era primeiro-ministro. 

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.