Última hora

Última hora

EUA mantêm sanções sobre a Coreia do Norte

Em leitura:

EUA mantêm sanções sobre a Coreia do Norte

Assessora de imprensa da Casa Branca Sarah Huckabee Sanders
Tamanho do texto Aa Aa

A apenas uma semana da cimeira entre o presidente norte-americano, Donald Trump, e o seu homólogo norte-coreano, Kim Jong Un marcada para Singapura, a Casa Branca anunciou que vai manter as sanções sobre a Coreia do Norte.

"Vamos continuar a concentrar-nos na desnuclearização"

Sarah Huckabee Sanders Assessora de imprensa, Casa Branca

A assessora de imprensa da Casa Branca confirmou oficialmente esta terça-feira que o encontro vai ter lugar a partir das 9 da manhã, no dia 12 de junho.

"Vamos concentrar-nos no encontro entre o Presidente e Kim Jong Un; o presidente vai expor os seus pontos de vista diretamente quando estiver em Singapura. Vamos continuar a concentrar-nos na desnuclearização", disse Sarah Huckabee Sanders.

Mas não é apenas a Casa Branca que se está a preparar.

A Agência Internacional de Energia Atómica, AIEA, afirma estar preparada para retomar as atividades de verificação na Coreia do Norte.

"Estamos preparados para agir com prontidão e desempenhar um papel essencial na verificação do programa nuclear da Coreia do Norte caso se alcance um acordo ao nível político", afirmou o diretor-geral da agência da ONU, Yukiya Amano.

Entretanto, num sinal de mudança eminente, o líder norte-coreano afastou três figuras de topo da hierarquia militar, um gesto visto como uma tentativa para reforçar o controlo interno num período considerado como crítico para o país.