Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Senado holandês aprova proibição de burca e niqab em edifícios públicos

Senado holandês aprova proibição de burca e niqab em edifícios públicos
Direitos de autor
Ritzau Scanpix/Mads Claus Rasmussen/via REUTERS/Arquivo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Senado holandês aprovou a lei que proíbe o uso da burca e do niqab - véus islâmicos que cobrem a totalidade do rosto das mulheres - em edifícios públicos, como escolas, hospitais e representações governamentais.

A nova lei proíbe, na realidade, qualquer tipo de "vestimenta" que cubra integralmente o rosto, o que inclui nomeadamente capacetes integrais ou máscaras de esqui e foi promovida como uma forma de tornar locais de acesso público mais seguros, mas os críticos afirmam que o objetivo real é impedir o uso dos véus islâmicos integrais.

O próprio orgão consultivo do governo tinha, em 2015, considerado a lei como desnecessária, já que apenas entre 200 e 400 mulheres em toda a Holanda usam a burca ou o niqab. Uma escolha que, segundo o próprio orgão, está protegida pelo direito constitucional à liberdade de religião.