EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Incêndio na Califórnia só deverá ser dominado em Setembro

Incêndio na Califórnia só deverá ser dominado em Setembro
Direitos de autor 
De  Ricardo Borges de Carvalho com REUTERS
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A previsão é dos bombeiros que estão no terreno, a norte de São Francisco, a combater as chamas. Em duas semanas, o fogo espalhou-se por uma área de 1.200 quilómetros quadrados, cerca do tamanho de Los Angeles.

PUBLICIDADE

Só lá para Setembro é que o maior fogo de sempre na Califórnia deverá ficar controlado. A previsão é dos bombeiros que estão no terreno, a norte de São Francisco, a combater as chamas.

Em duas semanas, o incêndio já ficou do tamanho de Los Angeles. Ajudado pelos ventos fortes, vegetação seca e terreno acidentado, o fogo espalha-se por uma área de cerca de mil e 200 quilómetros quadrados, cerca de 12 mil campos de futebol.

Os reforços chegam de todo o lado. Cerca de 160 elementos vieram da Nova Zelândia e Austrália para retribuir a ajuda que receberam antes.

Craig Cottrill, bombeiro na Nova Zelândia lembra que "tivemos norte-americanos na Nova Zelândia quando foi o terramoto de Christchurch, o tremor de terra de Kaikoura. Na altura, havia uma fragata americana na Nova Zelândia e rapidamente nos ajudaram, por isso é recíproco."

As autoridades já detiveram vários suspeitos de atear fogos. Um deles terá sido responsável por um fogo no condado de Orange que incendiou várias casas.

Nesta altura não há incêndios perto de Sacramento, a capital da Califórnia, mas a qualidade do ar na cidade está a ser afetada pelos fogos na região e já é considerada perigosa para crianças, idosos e pessoas com dificuldades respiratórias.

Os especialistas dizem que a Califórnia deverá ter uma das piores épocas de incêndios de sempre, devido à seca e às temperaturas elevadas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Novas frentes de fogo agravam incêndio da Califórnia

Incêndio no norte da Califórnia continua incontrolável

Biden visita ilha no Havai destruída pelos incêndios