Última hora

Última hora

Robô ajuda crianças autistas a serem mais sociáveis

Em leitura:

Robô ajuda crianças autistas a serem mais sociáveis

Robô ajuda crianças autistas a serem mais sociáveis
Tamanho do texto Aa Aa

Um estudo da Universidade de Yale, nos EUA, mostra que um robô pode ajudar crianças autistas a melhorarem as relações com os outros. Investigadores dizem que após realizarem tarefas diárias com os referidos robôs, em casas, durante um mês, foram observadas mudanças de comportamento nas crianças.

"Os robôs são a combinação perfeita. Eles são sociais o suficiente para levar as pessoas a responder-lhes, mas não são tão sociais que provoquem qualquer tipo de ansiedade", explica o investigador e professor Brian Scassellati, da Universidade de Yale.

"A interação tornou-se mais consistente, o contacto através do olhar também. Mostrou-me o quão inteligente ele é, e rápido também", adianta a mãe de Robert.

O caminho é longo ainda mas fazem-se progressos. O trabalho com robôs tem vindo a ser desenvolvido nos últimos anos para ajudar noutros desafios como aqueles de crianças com dificuldade de aprendizagem ou que se isolam.