Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Pensionistas venezuelanos cortam o trânsito

Pensionistas venezuelanos cortam o trânsito
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Pensionistas cortaram o trânsito em várias cidades da Venezuela, para exigir o pagamento das suas pensões em dinheiro. O presidente Nicolás Maduro anunciou que a primeira prestação de 25% seria paga no sábado, mas com os bancos fechados muitos idosos não tiveram como aceder ao dinheiro.

"Senhor, pague-nos! Ainda que seja essa miséria que nos dão e que não chega mediante a situação que está passando o país", implora Josefina.

O anúncio de Maduro fez muitos passarem horas em filas, na esperança de que os bancos abrissem, para levantarem o dinheiro. É que os produtos básicos chegam a custar metade do preço se pagos em dinheiro.

"Isto é uma burla, porque aqui há muitas pessoas que contam apenas com a pensão da Segurança Social para medicamentos, comida e para tudo", diz outra mulher.

O processo de reconversão monetária cortou cinco zeros à moeda venezuelana e estima-se que a inflação na Venezuela chegue a 1.000.000% este ano.