Autoridades búlgaras libertam suspeito da morte de Viktoria Marinova

Autoridades búlgaras libertam suspeito da morte de Viktoria Marinova
De  Bruno Sousa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cidadão romeno foi libertado sem qualquer acusação efetuada

PUBLICIDADE

A morte de Viktoria Marinova provocou ondas de choque um pouco por toda a Europa. O assassinato teve lugar uma semana depois da jornalista ter denunciado um caso de corrupção envolvendo o desvio de fundos Europeus, no entanto para as autoridades búlgaras, por enquanto, não é possível estabelecer qualquer ligação entre o seu trabalho e a sua morte.

Ainda assim, anunciaram uma detenção, de um cidadão romeno mas este acabou por ser libertado sem qualquer acusação.

Em entrevista à euronews, o eurodeputado Claude Moraes fez eco da sua preocupação sobre o motivo do assassinato, a mesma preocupação que já tinha manifestado após as mortes de Jan Kuciak e Daphne Caruana Galizia, apelando às autoridades búlgaras para solicitarem ajuda à Europol.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Kuciak e Caruana Galizia: há jornalistas assassinados na UE

501 caixões e 200 sacos com cadáveres encontrados abandonados na Argentina

Desmantelado o maior grupo de "ransomware" do mundo