EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Trump diz que as intercalares foram um "sucesso tremendo"

Trump diz que as intercalares foram um "sucesso tremendo"
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Presidente dos Estados Unidos fez uma conferência de imprensa para explicar o que e pensa do resultados das eleições intercalares, agradece a quem trabalhou com ele e para responder a algumas questões dos jornalistas.

PUBLICIDADE

Para Donald Trump, as eleições intercalares foram um "sucesso tremendo". O presidente norte-americano confirmou na quarta-feira que se recusava a ver a perda da Câmara dos Representantes como um mau resultado.

"Vimos os candidatos que eu apoiei a ganharem com um sucesso tremendo na noite passada. Agora temos um caminho muito mais fácil, porque os democratas vão apresentar um plano para as infraestruturas, um plano de saúde, um plano para o que eles estão a olhar e nós vamos negociar. (...) Então eles podem olhar para nós e nós podemos olhar para eles. Provavelmente será muito bom para mim, politicamente, porque eu acho que sou melhor neste jogo do que eles realmente são", declarou o presidente dos Estados Unidos.

Os democratas conquistaram a Câmara dos Representantes, um resultado inédito desde 2010. No entanto, os Republicanos reforçaram a maioria no senado. Houve também uma eleição recorde de mulheres na câmara baixa.

"Isto acontece com frequência nos Estados Unidos, o controlo das câmaras mudar. O que é muito pouco comum é que todos já estão a falar das eleições presidenciais de 2020", diz um homem em Nova Iorque.

"Os estudos demonstram que quando existem mais de 20 por cento de mulheres eleitas num órgão, vêm-se políticas diferentes. Espero então ver políticas favoráveis às mulheres, políticas favoráveis aos imigrantes", explica uma mulher.

Durante as eleições presidenciais anteriores, o resultado das intercalares não teve grande influência. Certo é que Donald Trump deverá ter agora a vida menos facilitada.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Um referendo à presidência de Trump

Presidente dos EUA ataca Putin e Trump no discurso do Estado da União

Nova "Guerra das Estrelas": Rússia desenvolve sistema de mísseis nucleares antissatélite