Última hora

Última hora

Sea Watch chega à Sicília com 47 migrantes a bordo

Sea Watch chega à Sicília com 47 migrantes a bordo
Tamanho do texto Aa Aa

Após quase duas semanas à espera em alto mar, o navio de pavilhão holandês Sea Watch 3 aportou na Sicília com 47 migrantes a bordo.

Alguns deles ficarão em Itália, mas um acordo alcançado no início da semana estabeleceu que os restantes serão acolhidos pela Alemanha, França, Roménia, Malta e Portugal. No seio do grupo encontram-se 15 crianças.

O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos exigiu a Roma que providenciasse assistência médica e alimentação aos migrantes resgatados junto à costa da Líbia no passado dia 19 de janeiro.

Por sua vez, o ministro do Interior italiano, Matteo Salvini, pretende ver lançadas investigações sobre as atividades da Sea Watch, a ONG alemã responsável pelos salvamentos.