A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Guaidó denuncia tentativas de intimidação da polícia

Guaidó denuncia tentativas de intimidação da polícia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Não será através do descontraído retrato de família de Juan Guaidó que se pode atestar a alta tensão vivida na Venezuela. Mas a verdade é que o homem que quer afastar Nicolás Maduro do poder revela tentativas de intimidação, afirmando que uma força especial da polícia tentou abordar a sua mulher quando esta se encontrava sozinha com a filha em casa.

"O objetivo é claro. É muito claro. E é um objetivo que eles não alcançaram. Não vão conseguir romper a família venezuelana", garante Guaidó.

O autoproclamado presidente interino convocou para este sábado aquela que apresenta já "como a maior marcha de sempre na Venezuela e na história do continente".

O objetivo de Guaidó é igualmente claro: novas eleições, aliás como também é exigido por vários países europeus, entre os quais Portugal.

Maduro rejeita ultimatos e conta com o apoio da Rússia, China, Coreia do Norte e Turquia.