Mau tempo em Creta faz uma vítima mortal

Mau tempo em Creta faz uma vítima mortal
Direitos de autor Reuters
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A ilha mais populosa da Grécia foi, nos últimos dias, devastada por tempestades

PUBLICIDADE

Creta, a ilha mais populosa da Grécia e um dos principais destinos turísticos do país, foi duramente atingida por tempestades que assolaram o país nos últimos dias, com estradas, edifícios e infra-estruturas danificados por toda a ilha e inundações de rios.

Mais de 30 bombeiros, ajudados por voluntários e mergulhadores, procuraram num rio inundado, um fazendeiro, pai de cinco filhos, cujo carro foi varrido na segunda-feira. Equipas de resgate recuperaram o corpo do homem de 61 anos esta terça-feira.

Alguns funcionários do Ministério da infraestrutura e especialistas viajaram com um helicóptero para Creta na segunda-feira para avaliar a extensão dos danos. O governador regional, Stavros Arnaoutakis, disse que os danos podem chegar a dezenas de milhões de euros.

"Está a chover há seis dias sem parar", disse Nikos Lagoudakis,  oficial dos bombeiros. 

Imagens da televisão estatal mostraram uma ponte a desabar devido ao aumento do nível da água. Algumas casas foram evacuadas como medida de segurança.

Reuters

A ponte sobre o rio Keritis foi construída em 1908 e foi considerada um monumento contemporâneo. A ponte, caracterizada por três arcos e feita de pedra, era uma atração turística conhecida há anos na região de Alcianos, em Platias.

O momento do colapso veio como um choque completo para os espectadores que o viram, em direto, na televisão.

As autoridades locais já haviam bloqueado o acesso à ponte, de modo a que ninguém a percorresse.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ruas australianas cheias de água e de crocodilos

Petra volta a ser atingida por cheias repentinas

Habitantes de Maiorca culpam infraestruturas pelas cheias mortíferas