Última hora
This content is not available in your region

Benjamin Natanyahu divide israelitas

De  Euronews
euronews_icons_loading
Benjamin Natanyahu divide israelitas
Tamanho do texto Aa Aa

Benjamin Netanyahu dividiu os israelitas.

Este sábado, centenas de pessoas saíram às ruas de Telavive e Jerusalém exigindo a demissão do primeiro-ministro que poderá ser indiciado por corrupção.

O protesto, com as mensagens "Está na hora de Netanyahu partir" e "Ministro do crime", foi convocado por partidos de esquerda e terminou na sede do Likud, o partido que suporta o Executivo.

Sempre separados pela polícia, estiveram centenas de pessoas que manifestaram o apoio a Benjamin Netanyahu.

Aqui, nos cartazes podia ler-se "Netanyahu, o povo está contigo".

Na sexta-feira, o Ministério Público anunciou a intenção de acusar o chefe do Governo por corrupção, fraude e abuso de confiança, considerando haver indícios suficientes de favorecimento a empresas de comunicação a troco de cobertura positiva e de ter recebido presentes de magnatas em troca de favores políticos.

Benjamin Netanyahu já reagiu, afirmando que tudo não passa de "uma caça às bruxas" e assegurou que vai provar a inocência.

O primeiro-ministro conservador assinou, na semana passada, uma aliança entre três partidos de direita com vista às legislativas antecipadas de 09 de abril.