EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Polícia procura responsáveis de pacotes armadilhados em Londres

Polícia procura responsáveis de pacotes armadilhados em Londres
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Autoridades irlandesas participam na investigação da polícia britânica aos pacotes armadilhados encontrados em Londres

PUBLICIDADE

A unidade de contraterrorismo da polícia britânica continua a investigar os motivos que poderão estar na origem do envio de pacotes com explosivos para os aeroportos de Heathrow, London City e para a estação de caminhos-de-ferro de Waterloo, em Londres.

Não há registo de feridos apesar de um dos dispositivos ter irrompido em chamas ao ser aberto no aeroporto de Heathrow.

A polícia irlandesa acompanha as investigações até porque pelo menos dois dos pacotes suspeitos tinham selos provenientes da Irlanda. O endereço do remetente mencionava, alegadamente, a cidade de Dublin.

A polícia não descarta qualquer possibilidade. Não está excluída a hipótese de os dispositivos terem sido usados para causar mal estar e gerar debate.

"Vimos um indivíduo solitário há alguns anos atrás (1999) a usar bombas de pregos em Londres, por isso poderia ser apenas uma pessoa ou um pequeno grupo. Mas os alvos propriamente ditos - dois aeroportos e uma estação de caminhos-de-ferro - não tendem a estar relacionados coletivamente. A polícia metropolitana de Londres já disse estar a tratar o caso como uma série. Os pacotes eram muito semelhantes e têm dados escritos à mão. Existem boas pistas de investigação para começar", sublinhou Graham Wettone, analista de policiamento.

Neste momento, o Reino Unido encontra-se no segundo nível mais alto de alerta de ameaça terrorista.

A par do republicanismo irlandês consideram-se outros motivos potenciais como a intervenção de alguém com opiniões acerca do "Brexit" ou de uma pessoa com problemas mentais.

A maior preocupação, para já, é que não apareçam mais pacotes como os encontrados.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Migrantes tentam chegar à Irlanda para evitarem plano Ruanda do Reino Unido

Requerentes de asilo em Dublin queixam-se de tratamento “desumano”por parte do Governo

Primeiro-ministro da Irlanda anuncia demissão