Itália suspende concursos para o TGV Turim-Lyon

Itália suspende concursos para o TGV Turim-Lyon
Tamanho do texto Aa Aa

O projeto do túnel e da linha de comboio de alta velocidade que deverá ligar Lyon, em França, a Turim, a Itália, está parado na estação. O governo italiano mandou suspender os vários concursos para atribuição de obras.

Segundo explicou no Facebook, o primeiro-ministro italiano Giuseppe Conte diz que o projeto tem de ser rediscutido com a França e com a União Europeia, devido às últimas estimativas de custo.

Este é um comboio que ameaça deitar por terra a coligação de governo. O movimento 5 estrelas de Luigi di Maio é contra e a Liga, de Matteo Salvini, é a favor: "Podemos rever o projeto, mas o túnel tem de ser feito, para ligar a Itália ao resto da Europa. Não é isso que vai abalar um governo que fez tanto nos últimos 9 meses", disse o atual ministro italiano do Interior.

Tirando os habitantes do vale onde o túnel vai ser construído, os italianos, em especial do norte, têm-se manifestado a favor da obra.