A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Bouteflika não se recandidata

Bouteflika não se recandidata
Direitos de autor
رويترز
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Depois de mais de duas semanas de protestos, o presidente da Argélia cedeu.

Abdelaziz Bouteflika anunciou que não vai recandidatar-se a um quinto mandato e adiou as presidências de 18 de abril, sem marcar para já uma nova data.

Nas ruas, o ambiente é de festa. Uma multidão saiu para as ruas depois do anúncio do presidente.

Também nesta segunda-feira, o primeiro-ministro argelino, Ahmed Ouyahia, pediu a demissão depois do presidente anunciar uma remodelação governamental.

Ouyahia já foi substituído pelo ministro do Interior. Noureddine Bedoui deverá ser o responsável por formar o novo governo.