Última hora
This content is not available in your region

União Europeia multa Google em 1500 milhões de euros

União Europeia multa Google em 1500 milhões de euros
Tamanho do texto Aa Aa

A Comissão Europeia multou a Google em cerca de 1500 milhões de euros por "práticas ilegais" na publicidade digital.

É a terceira multa de Bruxelas à gigante norte-americana, em três anos.

Até 2009, ou em alguns casos, até 2016, a Google impunha que quem utilizasse o seu motor de busca nos sites teria de utilizar, em exclusivo, o serviço de publicidade digital da empresa, o AdSense.

A Comissária europeia para a concorrência, Margrethe Vestager, informou que a Comissão decidiu multar a Google em 1,49 mil milhões de euros por violar as regras europeias da concorrência. A Google envolveu-se em práticas ilegais quando se trata da sua intermediação de pesquisa de publicidade, com o propósito de cimentar a sua posição dominante no mercado."

A Google já respondeu. Em comunicado, o vice-presidente sénior de Assuntos Mundiais, Ken Walker, garantiu que a empresa já procedeu a amplas alterações aos produtos para responder às preocupações da Comissão. Walker informou, ainda, que irão ser feitas, nos próximos meses, mais atualizações com vista a dar maior visibilidade aos concorrentes da Europa.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.