EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Governo da Albânia enfrenta pedidos de demissão e eleições

Governo da Albânia enfrenta pedidos de demissão e eleições
Direitos de autor 
De  João Paulo Godinho
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Primeiro-ministro é acusado de corrupção e milhares de manifestantes voltaram a agitar a capital Tirana.

PUBLICIDADE

A Albânia vive dias agitados a nível político e Tirana foi palco de enormes protestos contra o governo socialista liderado pelo primeiro-ministro Edi Rama.

Milhares de militantes dos partidos de oposição concentraram-se na capital, empunhando cartazes de protesto e lançando tochas e outros projéteis contra a polícia.

Alguns manifestantes chegaram mesmo a quebrar o cordão policial junto à sede do governo, mas sem invadir as instalações.

O objetivo da oposição é claro: conseguir a demissão do executivo, que é acusado de corrupção, e avançar para eleições antecipadas.

Os protestos em Tirana duram já desde 16 de fevereiro, mas o primeiro-ministro, Edi Rama, já garantiu que não se vai demitir do cargo.

Já este sábado, numa mensagem publicada na rede social Twitter, o líder do governo albanês manifestou a sua solidariedade relativamente aos agentes da autoridade que vigiaram os protestos e criticou os partidos da oposição.

Outras fontes • Reuters / AP

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Protestos contra governo albanês sobem de tom

Manifestantes exigem demissão do primeiro-ministro albanês

Zelenskyy na Albânia para cimeira com países do sudeste europeu