A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Brasil e Venezuela não passam do nulo

Brasil e Venezuela não passam do nulo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Brasil não foi além de um empate a zero em Salvador da Bahia frente à Venezuela, num jogo em que o conjunto de Tite voltou a estar bem distante do seu melhor. Como se não bastasse a fraca pontaria dos canarinhos nos 17 remates efetuados, quando conseguiram efetivamente bater Wuilker Fariñez, a festa foi de pouca dura.

Por duas vezes o ábitro Julio Bascuñán recorreu à tecnologia para invalidar o golo brasileiro, em ambos os casos com Roberto Firmino na ação. À passagem da hora de jogo, apesar da bola ter vindo de um defensor venezuelano, o árbitro chileno considerou que o atacante brasileiro tirou vantagem da posição irregular em que se encontrava, e a dois minutos dos noventa Bascuñán descobriu um toque de Firmino, novamente em posição de fora de jogo, a desviar o remate de Coutinho.

O Brasil partilha a liderança do grupo A da Copa América com o Peru, ambos com quatro pontos em dois jogos. As duas equipas irão discutir o primeiro lugar no próximo sábado em São Paulo.