Última hora

Trump adia deportação de imigrantes ilegais

Trump adia deportação de imigrantes ilegais
Tamanho do texto Aa Aa

Uma trégua de duas semanas. Na segunda-feira, Donald Trump tinha afirmado que iria deportar milhões de imigrantes que se encontram ilegais nos Estados Unidos, no fim da semana voltou à carga para dar uma trégua de quinze dias.

Em publicação no Twitter, como é seu apanágio, o presidente norte-americano referiu que a pedido dos democratas tinha decidido adiar o processo de deportação para dar aos dois partidos a oportunidade de encontrar uma solução para os problemas de asilo e os vazios legais na fronteira com o México.

A líder da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, não tinha poupado nas críticas à proposta inicial, referindo que eram medidas "sem coração" que iriam destruir famílias e aterrorizar as comunidades do país. Já reagiu ao adiamento, também no Twitter, referindo que este era bem-vindo, que era necessário tempo para uma reforma da imigração compreensiva e que as famílias devem permanecer juntas.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.