Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Ministro francês da ecologia mantém-se no cargo

Ministro francês da ecologia mantém-se no cargo
Direitos de autor
Ludovic Marin/Pool via REUTERS/File Photo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O ministro francês da ecologia vai manter-se no governo. François de Rugy encontra-se envolvido num escândalo relacionado com despesas excessivas que incluem obras e jantares faustosos.

Após uma reunião com o primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, o ministro da ecologia no governo de Emmanuel Macron comprometeu-se a submeter as despesas ao órgão de fiscalização da Assembleia Nacional. De Rugy afirma que reembolsará quaisquer despesas contestadas.

No centro do escândalo estão revelações surgidas esta semana segundo as quais De Rugy e a sua mulher teriam organizado mais de uma dezena de jantares de luxo para amigos na residência oficial. Os eventos teriam tido lugar entre junho de 2017 e Outubro de 2018, altura em que ocupava o cargo de presidente do parlamento.

Igualmente em causa estão obras na residência oficial do ministro que teriam custado 63 mil euros.

As revelações criam dificuldades adicionais para o presidente francês que tenta lutar contra a imagem de "presidente dos ricos".