A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Boris Johnson forma Governo centrado em concretizar Brexit

Boris Johnson forma Governo centrado em concretizar Brexit
Direitos de autor
Aaron Chown/Pool via REUTERS
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Novo líder, nova equipa. Depois de tomar posse, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, anunciou alguns dos membros chave do novo Governo.

Na esperança de formar uma equipa capaz de o ajudar a alcançar o Brexit, mesmo sem acordo, alguns dos ministros que serviram a antecessora Theresa May foram eliminados, outros ganharam novas funções.

O ex-ministro do Interior, Sajid Javid, é o novo ministro das Finanças.

"O primeiro-ministro já definiu algumas das principais prioridades, que incluem garantir que deixemos a União Europeia em 31 de outubro e que aproveitemos as enormes oportunidades económicas que temos pela frente. Então, é nisso que me vou concentrar," declarou Sajid Javid.

O ex-ministro para o Brexit, Dominic Raab, é o novo ministro dos Negócios Estrangeiros britânico, Dentro do partido ele é considerado um direitista com interesse em liberdades civis

"O mais importante é tirar-nos da UE até ao final de outubro, de preferência com um acordo. Mantemos os laços de amizade com os nossos parceiros e aliados da UE, mas, em qualquer caso, devemos alcançar alguns objetivos para este processo Brexit. e acho que, uma vez que tenhamos feito isso, poderemos então unir o governo e o país em torno do grupo político do primeiro-ministro estabelecido em Downing Street," afirmou Dominic Raab.

Priti Patel, a antiga secretária de Desenvolvimento Internacional, demitida por May após uma controversa viagem a Israel, está de volta como ministra do Interior.

"Com este cargo vem uma enorme quantidade de responsabilidades. Eu farei tudo o que estiver ao meu alcance para manter o nosso país seguro, manter a nossa população em segurança e também para lutar contra o flagelo do crime que vemos nas nossas ruas," esclareceu Priti Patel.

Em desacordo com o Brexit de Boris Jonhson, Philip Hammond demitiu-se das funções de ministro das Finanças, mesmo antes do novo chefe de Governo assumir o cargo.

Jereemy Hunt, ex-chefe da diplomacia britânica, foi derrotado por Johnson na corrida à liderança do Partido Conservador e é outra das baixas.

Penny Mordaunt foi ministra da Defesa durante 85 dias; o apoio que deu a Hunt nas eleições dos conservadores levou a que agora fosse colocada de parte.