Última hora
This content is not available in your region

Acordo "Caminhos Conjuntos" reforça cooperação entre Bruxelas e Luanda

euronews_icons_loading
Acordo "Caminhos Conjuntos" reforça cooperação entre Bruxelas e Luanda
Tamanho do texto Aa Aa

Presente em Angola há mais de trinta anos, a União Europeia mantêm com o executivo angolano um quadro de relações institucionais, denominado "Caminho Conjunto".

Segundo Tomás Ulicny, chefe da delegação da União Europeia em Angola, o acordo "Caminhos Conjuntos UE-Angola" contempla o reforço da cooperação nas áreas das finanças, agricultura, comércio, educação, apoio aos grupos mais vulneráveis, entre outros.

Tomás Ulicny referiu igualmente que Bruxelas e Luanda têm interesses mútuos para promover a proteção do mar, uma intenção que ficou demonstrada na última reunião ministerial entre ambas as partes.

Doze milhões de euros foi o valor investido pela UE para apoiar Angola na aproximação das suas normas as da União Europeia, com vista a facilitar o comércio de bens e serviços angolanos no mercado europeu.

Um dos temas que estará em cima da mesa na próxima reunião entre Angola e a UE, que poderá acontecer em Setembro próximo, é a possível inclusão de Luanda no Acordo de Comércio, Desenvolvimento e Cooperação UE-África do Sul.