EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

A água que bebemos está cheia de microplásticos

A água que bebemos está cheia de microplásticos
Direitos de autor Reuters
Direitos de autor Reuters
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Estudos da OMS confirmam que a água que bebemos está cheia de microplásticos, mas os riscos para a saúde serão mínimos. A investigação vai continuar.

PUBLICIDADE

A água que consumimos está cheia de microplásticos. É isto que mostra um dos primeiros estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS). É preciso investigar muito mais mas, à primeira vista, parece não ser muito perigoso para a saúde.

O coordenador do Departamento de Saúde Pública da OMS, Bruce Gordon, afirma: "Não há absolutamente nenhuma dúvida de que os microplásticos se encontram na água que bebemos, e, de facto, na água potável e nas fontes e lençóis subterrâneos. Agora, quando pensamos nos riscos potenciais, temos uma questão que é a de uma partícula inerte e por isso o plástico não reage quimicamente, entrando no corpo e causando danos nos órgãos e nos tecidos. A mensagem principal é que a grande maioria dos microplásticos passará inofensivamente pelo corpo".

Ou seja, tanto as grandes como as pequenas partículas do plástico passarão pelo organismo sem serem absorvidas.

Pelo sim, pelo não, a OMS recomenda que a filtragem e tratamento da água seja feita de forma a que se removam 90% dos microplásticos e refere que o mais inquietante é aquilo que ainda não se sabe sobre a poluição dos plásticos. Os estudos, que só começaram há dois anos, vão continuar, mas, uma coisa é certa, é preciso acabar com o flagêlo do plástico.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Greenpeace Itália descobre 1300 toneladas de lixo italiano na Malásia

Alerta para os microplásticos no Mediterrâneo

ONG Mares Saudáveis recolhe toneladas de resíduos em "explorações fantasma" na costa grega