A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Sánchez visita zonas devastadas por inundações

Sánchez visita zonas devastadas por inundações
Direitos de autor
Reuters
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Dois dias de chuvas torrenciais e ininterruptas mudaram a paisagem na região de Múrcia, em Espanha. O fenómeno meteorológico chamado de "gota fria" já fez, pelo menos, 6 mortos no sudeste do país.

O primeiro-ministro em funções deslocou-se até à localidade de Orihuela, que ficou temporariamente isolada, após caírem mais de 470 litros de água por metro quadrado.

Devastação em Orihuela

Pedro Sánchez garantiu que "o governo espanhol não vai poupar esforços em termos de recursos humanos e materiais para responder a esta crise de proteção civil. Os delegados do governo estão em contacto com as autoridades regionais para começar a fazer o levantamento dos danos causados nos vários municípios, sobretudo no setor agrícola, tão importante para a região de Múrcia."

Cerca de 3500 habitantes foram deslocados, sendo que há mais de mil militares mobilizados nas operações de ajuda. Alicante, Valência e Almeria também foram fortemente afetadas.

O mau tempo está a transitar para Portugal mas a intensidade será muito menor.