A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Recordar Berlim antes da queda do muro

Recordar Berlim antes da queda do muro
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A queda do muro de Berlim cumpre três décadas e, para recordar como era a vida, antes, na cidade outrora dividida, o artista austríaco Yadegar Asisi assina uma exposição em 360 graus para nos mostrar um dia de outono na década de 80 do século passado.

"The Wall" ("O Muro"/ "Die Mauer")pode ser vista num local emblemático na antiga fronteira berlinense; o "checkpoint charlie".

O panorama de Asisi mostra-nos diversas cenas passadas junto ao muro. São instantâneos da altura registados no bairro de Kreuzberg, em Berlim leste.

Há crianças a brincar na rua. Uma procissão em pleno andamento. Alguns "punks" fumam numa esquina. Para lá do corredor da morte, no leste, podem ver-se prédios delapidados e a bandeira da antiga Republica Democrática da Alemanha, com o martelo, o compasso e a espiga de trigo ao centro.

De ascendência iraniana, Yadegar Asisi cresceu na RDA. Foi viver para Berlim ocidental no final dos anos 70. Para ele, o muro fazia simplesmente parte da vida.

"A vida era normal. Costumo recordar-me dessa normalidade e penso: 'serei má pessoa porque não reparei no muro?' Fomos a restaurantes ali ao lado. Divertimo-nos junto ao muro. Tive um amigo a viver numa das ruas ali a seguir. Ainda me consigo ver a mexer o café e a olhar pela janela para o muro, depois virava-me e falávamos de banalidades. E o muro passava despercebido", recordou o artista.

A exposição permanente de Yadegar Asisi está instalada numa construção especial, integra dezenas de fotografias de testemunhas da época em que muro dividia a agora capital da Alemanha unificada e estende-se por 900 metros quadrados.

O 30.° aniversário da queda do muro de Berlim vai culminar no mítico dia 09 de novembro com um concerto às portas de Bradenburgo.