Última hora

Eleições polacas devem confirmar continuidade da direita no poder

Eleições polacas devem confirmar continuidade da direita no poder
Tamanho do texto Aa Aa

A Polónia escolhe este domingo a nova composição do parlamento, que tem como resultado previsto, de acordo com as sondagens, a continuidade do partido conservador "Lei e Justiça" no poder, embora abaixo da maioria absoluta. Há mais de cinco mil e 100 candidatos aos 460 lugares na câmara baixa do Parlamento e 200 candidatos aos 100 lugares no Senado.

Se o partido liderado por Jarosław Kaczyński, irmão do falecido presidente Lech Kaczyński, é dado como favorito, a Coligação Cívica, força centrista e pró-europeia, tem sido segunda nas sondagens, com uma aliança de três partidos de esquerda no terceiro lugar. Um novo mandato do Lei e Justiça pode significar mais isolamento para a Polónia no seio da União Europeia, já que as opiniões do partido estão, muitas vezes, em forte contradição com as políticas de Bruxelas. No entanto, o governo adotou várias medidas de apoio social ao longo dos últimos quatro anos que mantiveram a popularidade em alta.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.