EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

A difícil maratona negocial do "Brexit"

A difícil maratona negocial do "Brexit"
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Boris Johnson está numa corrida contra o tempo em duas frentes: europeia e doméstica

PUBLICIDADE

Não é só com a União Europeia (UE) que o Governo de Boris Johnson tem de encontrar um acordo para o "Brexit." É preciso convencer aliados e oposição no parlamento britânico de que as propostas podem realmente funcionar.

E o primeiro-ministro também necessita do apoio do Partido Unionista da Irlanda do Norte, até porque o Governo está dependente dos votos do DUP. Na região teme-se que haja um tratamento diferente em relação ao resto do Reino Unido em qualquer acordo com a União Europeia.

Apesar de permanecerem estes e outros obstáculos, o ministro britânico para o "Brexit", Stephen Barclay, está otimista em conseguir um etendimento atempado em Westminster: "Se for dada a oportunidade de votar em um acordo e de aprovar um acordo, podemos avançar rapidamente. Estou ciente de que é uma parte significativa da legislação no projeto de lei do Acordo de Saída, mas estamos confiantes de que o conseguiremos até 31 de outubro."

Se Boris Johnson perder os votos do Partido Unionista da Irlanda do Norte, ainda poderá convencer alguns trabalhistas na oposição e outros deputados a apoiar qualquer acordo com a UE. É possível que o voto seja à justa, mas acredita-se que poderá reunir o apoio suficiente para avançar.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Jovem de 13 anos morre após ataque com espada em Londres

Sunak anuncia: voos de deportação do Reino Unido para o Ruanda devem começar dentro de poucos meses

Cozinhou, arrumou e até entregou refeições: príncipe William voltou aos compromissos públicos