Última hora
This content is not available in your region

Tragédia de Brumadinho poderia ter sido evitada, diz relatório

euronews_icons_loading
Tragédia de Brumadinho poderia ter sido evitada, diz relatório
Tamanho do texto Aa Aa

A tragédia na barragem de Brumadinho, no Brasil, poderia ter sido evitada, segundo o relatório agora publicado pela Agência Nacional de Mineração.

A investigação concluiu que a Vale, empresa que controla a mina de que fazia parte a barragem, detetou problemas antes do acidente e ocultou as informações. A Vale não avisou a tempo as autoridades dos riscos que corria. O parecer diz que se esse alerta tivesse sido dado, a mina teria passado a prioritária na lista de instalações a ser vistoriadas e o acidente teria, muito provavelmente, sido evitado.

O colapso da barragem, no Estado de Minas Gerais, causou um aluimento que fez mais de 270 mortos, em janeiro deste ano, apenas seis meses depois da construção da estrutura. Depois de uma primeira investigação, a polícia brasileira recomendou, em setembro, a que a Vale e a empresa alemã TÜV SÜD sejam acusadas de falsificação de documentos. Depois da tragédia, quatro anos depois de uma outra, em Mariana, o Brasil proibiu a construção deste tipo de barragens, mais baratas e menos estáveis.